25/01/2020 às 12:05h
O que é a Maca peruana e por que ela está na moda
Você provavelmente já notou que a lista de superalimentados que preenchem os corredores das lojas de alimentos naturais e seu feed de mídia social parece estar cada vez mais longa – matcha, colágeno, açafrão, cogumelo e agora a Maca peruana

Tradicionalmente, a Maca peruana tem sido usada há séculos por várias culturas sul-americanas, incluindo a Inca para equilibrar hormônios, aumentar a libido e a fertilidade, reduzir a ansiedade, aumentar a clareza mental e melhorar a resistência e força (e qual ciclista não quer isso?). Como uma versão sul-americana do ginseng, a maca agora está sendo vendida em todo o mundo e apresentada como um pó com poderes de fazer tudo.

Então, o antigo alimento peruano faz jus ao seu hype? Conversamos com um nutricionista e investigamos a ciência para descobrir se a Maca peruana pode realmente levar sua saúde e desempenho a um nível.

O que é Maca peruana?

A maca (mah-cah pronunciada) não é uma erva como muitos podem pensar, mas é um vegetal de raiz semelhante ao nabo (da família dos brócolis e rabanete) cultivado no subsolo em altitudes mais altas nas montanhas dos Andes. Lá, é usado como um medicamento tradicional e um ingrediente-chave em uma bebida fermentada chamada maca chicha. Como a maca não é exportada fresca, é desidratada e depois moída em pó.

O que a ciência diz?

Além do anedótico, são poucas as evidências científicas que apoiam as elevadas alegações de saúde em torno da maca.

A Maca peruana contém compostos de polissacarídeos que podem atuar como antioxidantes no corpo para ajudar a proteger suas células dos efeitos nocivos dos radicais livres, o que, em teoria, pode diminuir o risco de certas doenças como o câncer e talvez até melhorar a recuperação pós-treino. Mas nenhuma ligação científica foi feita entre os antioxidantes da maca e as medidas de saúde melhoradas. E é fácil carregar antioxidantes através de alimentos mais baratos, como frutas frescas, vegetais e até grãos integrais.

Se você espera que a maca apimente sua vida amorosa, a nutricionista e profissional de fitness Katie Hake, diz que é melhor não esperar milagres no quarto ao misturar maca com smoothies. Existem alguns dados limitados de que o pó de maca pode ajudar na fertilidade e na libido, mas é prematuro demais saudá-lo como o Viagra da natureza.

+ 10 benefícios dos pepino que você não deve ignorar

Uma análise de pesquisas anteriores constatou que dos quatro ensaios clínicos aleatórios conduzidos na maca, dois apoiaram sua eficácia na melhoria da disfunção sexual em homens e mulheres, enquanto dois não apresentaram resultados significativos.

Um estudo recente descobriu que homens que consumiram maca diariamente por dois meses experimentaram aumento da concentração e motilidade espermática, mas esse foi um estudo pequeno, e não se sabe se os resultados se traduzem em melhora da fertilidade. Os Institutos Nacionais de Saúde afirmam que, no momento, ainda não existem evidências suficientes para provar que a maca pode ajudar a melhorar a disfunção sexual ou o desejo sexual. “São necessárias muito mais pesquisas para fazer backup de qualquer uma dessas reivindicações”, diz Hake.

Dito isto, dados limitados sugerem que a maca pode impulsionar suas atividades atléticas. Um estudo britânico descobriu que ciclistas do sexo masculino que suplementaram com extrato de maca por duas semanas experimentaram uma melhora em seu desempenho no tempo de pedalar 40K e também em seu desejo sexual. Mas este foi apenas um estudo piloto realizado em apenas oito sujeitos, sem que nenhum mecanismo fosse descartado. Portanto, estamos longe de ser capaz de saudar esse vegetal raiz da América do Sul como o melhor amigo de um atleta.

+ Conheça 7 benefícios do vinho para tomar sem culpa

O pó da raiz da maca também costuma ser chamado de adaptógeno, o que alguns dizem que é útil para ajudar seu corpo a se adaptar a vários estresses e melhorar a vitalidade. Mas é difícil dizer se esse é o caso, porque simplesmente não há nenhuma pesquisa digna de nota para provar sim ou não. “Nesse momento, é prematuro classificar a maca como um verdadeiro adaptogan e não deve ser a principal razão pela qual alguém aceitaria”, explica Hake.

Quanto à quebra geral da nutrição, a Maca peruana, como outros vegetais de raiz, contém uma variedade de nutrientes que podem adicionar um impulso à sua dieta. “A maca é rica em cobre e manganês, o que pode suportar a densidade mineral óssea e ter efeitos anti-inflamatórios”, observa Hake. Outros nutrientes incluem vitamina C, ferro, cálcio, potássio, cobre e vitamina B6, um nutriente radar que desempenha um grande papel no metabolismo – não é um mau negócio.

Ainda assim, se você estiver tomando apenas uma colher de chá por dia, não receberá um grande ganho nutricional da maca. Além disso, Hake ressalta que comer uma dieta bem equilibrada significa que você provavelmente já está recebendo o suficiente desses nutrientes sem precisar aumentar o iogurte com essas coisas.

Atenção!

Como a maca pode afetar o funcionamento de certos hormônios, mulheres com condições sensíveis a hormônios, incluindo endometriose, miomas uterinos e certos tipos de câncer, devem conversar com seu médico antes de usar a maca. As mulheres que estão grávidas ou amamentando também são incentivadas a proceder com cautela. “Se você optar por experimentar maca e outros suplementos, considere manter um registro de alimentos/sintomas para verificar se há efeitos colaterais positivos ou negativos”, recomenda Hake.

Conclusão

E, como na maioria dos produtos populares de bem-estar que estão na moda, lembre-se de que a Maca peruana não é um alimento milagroso, mas um item que você pode adicionar a uma dieta saudável existente para um pequeno aumento de potencial.

Se você tem curiosidade sobre a maca e foi liberado por um médico ou profissional para experimentá-lo, geralmente o encontrará em forma de pílula ou em pó fino que pode ser adicionado à aveia, massa de panqueca, smoothies, iogurte e assados. Mas esteja avisado, a maca tem um sabor terroso e terroso que pode levar algum tempo para se acostumar, para dizer o mínimo. Portanto, não seja muito aventureiro desde o início ao utilizar no café da manhã.

Espalhe por ai:
Link:
Esportes
ESPORTEFUTEBOL
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2020 - SOLANGE PRISCILA DE SOUZA - CNPJ: 15.349.563/0001-67. Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121