25/05/2022 às 11:40h
Secretaria de Assistência Social de Colíder realiza ações educativas em combate ao abuso e à exploração sexual infantil
No mês destinado ao enfrentamento do abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes, em Colíder, a Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) tem realizado diversas programações para conscientizar e sensibilizar os cidadãos colidenses. 

Na última terça-feira (24), com objetivo de alertar sobre a necessidade de combater esse tipo de crime, e estimular o registro de denúncias de violências sofridas pelo público infanto-juvenil, a Assistência Social através do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) mobilizou os alunos e professores da escola infantil Bom Jesus, e também da Escola Estadual André Antonio Maggi.

Para ilustrar esse tipo de situação de forma lúdica, a Assistência Social apostou em músicas como a “Não pode tocar não” com a participação especial da princesa Branca de Neve, ganhando a atenção das crianças, conseguindo alertar e ensinar situações de autoproteção. O objetivo foi retratar o assunto com leveza, mas sem esquecer da importância do tema. O alerta também serviu para que os menores de idade aprendessem a respeitar os limites do próprio corpo e do corpo do outro. 

A iniciativa contou com a participação da psicóloga do Creas e representante do Conselho Tutelar de Colíder. A Secretária Municipal de Assistência Social Maria Caroline Matheus, explicou sobre as ações e serviços que a Assistência Social oferece e reforçou sobre a importância de denunciar nos canais de atendimento.

“Esta é uma campanha que temos que trabalhar em nossas escolas e unidades de saúde durante todo o ano e não somente no mês de maio. Precisamos alertar que a violência sexual não é apenas carnal e estupro de vulnerável, ela vai mais além. Ela ocorre, às vezes, de modo sutil, e por pessoas próximas das vítimas. E com essas ações da nossa secretária e dos nossos centros de referências queremos ajudar a diminuir as estatísticas e às nossas crianças a viver sua infância como tem que ser, uma infância feliz”, pontuou a primeira-dama.

A coordenadora do Creas Rozineide Moreira, enfatizou os serviços socioassistenciais realizados pelo Creas e Cras na comunidade. “Essas ações próximo à comunidade, como nas escolas, falando aos alunos e professores de temas como abuso e exploração infantil são essenciais, para a disseminação dessas informações, elas ajudam a fortalecer as redes de proteção voltadas às crianças e adolescentes para o combate à violência sexual, pois, como esta destacado no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) garantir a proteção social às crianças e adolescentes é um dever social de todos”, pontuou Rozineide.

Para registrar o apoio à campanha, a SMAS produziu e levou até as escolas uma moldura com o tema da campanha, “Faça Bonito” e lema “Unidos pelo combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes”.
Espalhe por ai:
Link:
Esportes
ESPORTEFUTEBOL
Publicidade
Power by
Todos os direitos reservados. 2009-2022 - Grupo Nova Visão de Comunicação - /Jornalista responsável Solange Priscila DRT MT- 002121